TwitterFacebookYoutubeInstagram

Chamada de ACTs ocorre em datas entre 27 e 31 de janeiro de 2020A Secretaria de Estado da Educação (SED) inicia nesta segunda-feira (27) a chamada para professores Admitidos em Caráter Temporário (ACT) para o ano letivo da rede estadual de ensino em Santa Catarina. O cronograma de datas e horários, dentro do período de 27 a 31 de janeiro, é definido pelas Coordenadorias Regionais de Educação, que dividem a seleção de acordo as disciplinas ofertadas. A lista com os locais determinados para a escolha de vagas é disponibilizada no site da SED.

EEB.Ângelo Cascaes 24O segundo período de matrículas na rede estadual de ensino começou a mobilizar os pais e responsáveis nas escolas desde a última quinta-feira, 23. Na EEB Professor Ângelo Cascaes Tancredo, em Palhoça, a entrega de documentos e o auxílio em matrículas à comunidade foram trabalhos acompanhados pelo secretário de Estado da Educação, Natalino Uggioni, na tarde desta sexta-feira, 24.

biguacu escola de educacao basica emerita duarte silva e souza sera a primeira do modelo civico militar em sc 20191022 1439367650Os alunos transferidos para a Escola de Educação Básica Professor Alexandre Sérgio Godinho, em Biguaçu, poderão fazer o deslocamento de forma segura com o ônibus escolar durante o ano letivo. A decisão foi formalizada na última semana, em uma reunião entre a Secretaria de Estado da Educação e a Secretaria Municipal de Educação de Biguaçu.

Capa 2020 1Um gesto de reconhecimento
Para aqueles que consagraram sua criatividade
Mostraram seu conhecimento
E venceram na atividade

Em verso, prosa, frase, imagem e som: essas foram maneiras utilizadas pelos estudantes brasileiros para contarem uma história e concorrerem na 6ª edição da Olimpíada de Língua Portuguesa. Três alunas da rede pública de ensino catarinense tiveram seus trabalhos publicados no E-book que reúne 135 textos dos finalistas da competição. Ao todo, 711 escolas estaduais foram inscritas na Olimpíada que teve como tema “O lugar onde vivo”.

2019 6Os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 que não zeraram a redação podem se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) até as 23:59 deste domingo, 26. O cadastro é feito pelo site do Sisu, mas com o número de inscrição e a senha do Enem. Caso o candidato não se lembre desses itens, pode recuperá-los na página do exame. Anteriormente, o período de inscrição se estendia até sexta-feira, 24. A prorrogação se deu devido ao erro na correção das provas.

146563 OTNJB1 417portal sedO segundo período de matrículas de alunos na rede estadual de ensino começa nesta quinta-feira (23) com 145 mil vagas disponíveis. O cadastro deve ser feito pelos pais ou responsáveis dos estudantes pela internet, na plataforma on-line da Secretaria de Estado da Educação, que será aberta a partir das 9h de quinta e fechada às 23h59 do dia 29 de janeiro. As vagas serão preenchidas por ordem de acesso, ou seja, ficarão reservadas para quem solicitar primeiro.

Ao fim do cadastro on-line, será gerado um protocolo de pré-matrícula que deve ser anotado. Para efetivar a matrícula, os pais do estudante devem comparecer à escola entre os dias 23 e 30 de janeiro, com o protocolo e a seguinte documentação: certidão de nascimento ou carteira de identidade, histórico escolar, atestado de frequência, comprovante de residência, uma foto 3x4 e a carteira de vacinação.

Apesar de encontrar diversas vagas disponíveis durante o cadastro, o zoneamento ainda deve ser considerado para efetivação da matrícula. O critério utilizado pela unidade de ensino é a comprovação de que o estudante mora em até três quilômetros de distância da escola. Se não houver mais vagas nesse perímetro, os pais devem fazer a matrícula dos alunos na escola mais próxima.

A matrícula para estudantes de Ensino Médio nesse período será presencial apenas nos Centros de Educação Profissional (Cedup). Nesse caso, os responsáveis devem levar toda a documentação no momento em que forem solicitar a matrícula na escola. Outra modalidade com cadastro presencial a partir de 23 de janeiro contempla os Centros de Educação de Jovens e Adultos (CEJA).

Rede estadual ainda tem 27% das vagas disponíveis

As 145 mil vagas disponíveis para matrícula equivalem a cerca de 27% dos 538.542 alunos que iniciaram o ano letivo de 2019 na rede estadual de ensino. A maioria das vagas foi preenchida após a primeira fase de matrícula, que ocorreu em novembro de 2019, tanto que algumas escolas estão com quase todas as vagas preenchidas – principalmente no período matutino.

"Um aspecto importante é observar a escola mais perto da residência do estudante. Não havendo vaga naquela unidade, pais e responsáveis devem procurar outra escola próxima. Dessa forma, trabalhando em conjunto, garantiremos o acesso à escola de todos os estudantes interessados em matricular-se na rede pública estadual do Estado de Santa Catarina", destaca o secretário de Estado da Educação, Natalino Uggioni.

Os alunos que estiverem sem vaga após o dia 30 de janeiro ainda poderão matricular-se nas unidades de ensino da rede estadual. Para o cadastro nas vagas remanescentes, os responsáveis pelos estudantes devem comparecer presencialmente à escola com a mesma documentação exigida nas demais etapas de matrícula.

Todas as escolas terão um posto de atendimento com computador durante o período de matrícula para auxiliar o cadastro dos estudantes. As Coordenadorias Regionais de Educação e equipes escolares também estarão disponíveis para tirar as dúvidas dos responsáveis dos alunos, de forma presencial ou por telefone.

 

.: Confira os contatos de todas as Coordenadorias Regionais do Estado
.: Confira os telefones das unidades escolares na Busca de Escolas do site da SED
.: Faça a matrícula a partir do dia 23/01 às 9h
.: Tire suas dúvidas sobre o segundo período de matrícula da rede estadual

 

Mais 2,5 mil novas vagas no Estado

A abertura de duas novas escolas, a construção de 10 salas de aula modulares e a oferta de mais 120 vagas em uma unidade escolar abrem mais 2,5 mil vagas na rede estadual de Ensino para o ano letivo de 2020. A oferta está nas cidades de Chapecó, Palhoça e Florianópolis.

Em Chapecó, a abertura da EEB Zitta Flach e de 120 vagas de Ensino Médio na EEB Professora Irene Stonoga proporcionarão 1,3 mil novas vagas para o ano letivo de 2020. Além das vagas para os anos finais do Ensino Fundamental e Médio em três turnos, a Zita Flach trará uma novidade para a educação catarinense com o modelo "smartschool", que conta com um Espaço Maker para trabalhar com os alunos a cultura do aprender por meio de experimentos. Até 790 das 1,2 mil novas vagas da EEB Zitta Flach serão abertas já no início do ano, com matrículas para o Ensino Fundamental e o Médio. Atualmente, parte das instalações atende a 350 alunos da EEB Zélia Scharf, que teve em 2019 a reforma completa iniciada pela SED.

Na EEB Professora Irene Stonoga, o ingresso no programa das escolas cívico-militares do Governo Federal gerou a abertura das novas vagas para o Ensino Médio. Outra nova escola e com adesão ao programa das escolas cívico-militares, a EEB Professor Ângelo Cascaes Tancredo, em Palhoça, inicia o ano ofertando 600 vagas. A escola tem capacidade de atender até 900 alunos, demanda que será absorvida ao longo do ano letivo.

Em Florianópolis, a SED assina nesta semana a ordem de serviço para a construção de 10 salas de aula em estrutura modular, em que o modelo de construção é mais ágil, para abrir mais 600 vagas a alunos do Norte da Ilha. As salas ficarão em terreno anexo à EEM Jacó Anderle, atendendo à demanda reprimida por vagas na região. O anexo deve ser concluído antes do fim do primeiro trimestre letivo.

Kit Escolar. 13A Secretaria de Estado da Educação (SED) iniciou na última quinta-feira, 16, a entrega dos kits de material escolar para todos os alunos das unidades prisionais, escolas indígenas e comunidades quilombolas que frequentam a modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA). Será a primeira vez que cada aluno de EJA receberá o seu material em forma de kit, contendo cadernos de brochura, canetas, lápis, borracha, régua e calculadora. Anteriormente, as entregas eram feitas ao longo do ano, sem a separação individual dos materiais para cada aluno. Ao todo, 5 mil kits chegam a 43 unidades prisionais, 09 comunidades quilombolas e 19 escolas indígenas.

Projeto Salas Modulares FlorianopolisPara solucionar a falta de vagas nas escolas da região Norte de Florianópolis em 2020, a Secretaria de Estado da Educação (SED) adquiriu uma estrutura de salas modulares para atender até 600 alunos. A estrutura de 996 m² terá 10 salas de aula modulares com capacidade de 30 alunos, totalizando 300 novas vagas por período para estudantes do Ensino Fundamental e Médio. O investimento do Governo do Estado de Santa Catarina é de R$ 1,8 milhão.

2019 5Nesta sexta-feira, 17, os quase 4 milhões de participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 terão acesso às notas que obtiveram na avaliação. Para acessar os resultados é preciso informar, na Página do Participante, o CPF e a senha cadastrados na hora da inscrição no exame. Os estudantes terão acesso à média da redação e à pontuação de cada uma das quatro áreas de conhecimento: linguagens, ciências humanas, ciências da natureza e matemática.

Escola Simão José HessOs professores das redes municipal e estadual de educação básica podem fazer cadastro para cursar licenciatura na área em que lecionam. Os interessados devem inscrever o currículo na Plataforma Capes de Educação Básica e preencher os dados sobre a formação docente e a atuação profissional. O prazo para o cadastro está aberto até o dia 31 de janeiro de 2020.