TwitterFacebookYoutubeInstagram

Educador Nota 10 Prancheta 1Duas professoras da Rede Pública Estadual de Santa Catarina estão entre os 50 finalistas do prêmio nacional “Educador Nota 10”, Edição 2019, idealizado pela Fundação Victor Civita. Profissionais da Educação Infantil ao Ensino Médio, de escolas públicas e privadas de todo país podem participar. Neste ano inscreveram-se 4876 professores e gestores de 17 estados. Os nomes dos finalistas foram divulgados no último sábado, 06.  O nome dos 10 vencedores serão conhecidos no próximo dia 17 de julho.

Conheça os projetos finalistas

Julmara Professor Nota 10

Julmara Goulart Sefstrom – Professora de Arte – 5º ano / Anos Iniciais – Ensino Fundamental da Escola de Educação Básica Antônio Guglielmi Sobrinho – em Içara, SC 

Projeto - Conexões: memória, patrimônio e arte -  Jussara  pediu aos alunos do 5º ano que construíssem, junto com suas famílias, uma caixa de relicários, que revelava um pouco de suas heranças, memórias e tradições. Foi o ponto de partida para um estudo de oito meses sobre patrimônio, que incluiu a apreciação de obras de artistas como Rosana Paulino, Arthur Bispo do Rosário e Sergio Luis Bonson, e de espaços como a Casa do Ferroviário Anselmo Cargnin, construção do município em processo de tombamento pelo IPHAN. A professora organizou visita ao ateliê do artista Edi Balod e saídas fotográficas para registro de patrimônios locais, além de incentivar produções artísticas para comunicar memórias. Tudo ia sendo registrado em portfólios pelas crianças. No meio do projeto, o incêndio do Museu Nacional levou Julmara a introduzir reportagens e reflexão sobre o fato, que mobilizou a turma na produção coletiva do “manto da decepção” com pinturas e bordados de protesto contra o descaso ao patrimônio nacional.

Jussara Professor Nota 10

Jussara Cristina Schimitz – Professora de Matemática – 4º ano / Anos Iniciais – Ensino Fundamental da Escola de Educação Básica Frei Godofredo em Gaspar 

Projeto - Costurando a Matemática - Ensinar matemática de maneira contextualizada à realidade do aluno foi o objetivo do projeto, que envolveu duas turmas do 4º ano. Para conhecê-las melhor, Jussara enviou um questionário para casa para que os pais pudessem “apresentar suas crianças”. Os dados obtidos serviram de referência para a produção e leitura de tabelas e gráficos em sala de aula. Não demorou para todos perceberem que em 60% das famílias havia costureiras. Em seguida, passaram a entrevistar mães e avós dos alunos em facções de costura próximas da escola para saber quantas roupas produziam por dia, a média de horas de trabalho, o valor recebido por peça e os gastos com linha e energia, por exemplo. Com os dados coletados nestas visitas, a professora organizou aulas para que a turma aprendesse sobre estatística, medidas, problemas das quatro operações, sistema monetário, porcentagens, frações, entre outros. A interação social promovida por Jussara fez as crianças valorizarem, ao mesmo tempo, o ofício das costureiras e a riqueza do conhecimento matemático presente no seu dia a dia.

A Premio

O Prêmio Educador Nota 10 foi criado em 1998 pela Fundação Victor Civita, com intuito de reconhecer e valorizar professores da Educação Infantil ao Ensino Médio, assim como, coordenadores pedagógicos e gestores escolares de escolas públicas e privadas de todo o país. O Prêmio tem o apoio da Nova Escola, Instituto Rodrigo Mendes e Unicef, e o patrocínio da Fundação Lemann e SOMOS Educação. Desde 2018, o Prêmio Educador Nota 10 é associado ao Global Teacher Prize, prêmio global de Educação.