TwitterFacebookYoutubeInstagram
210611pq1O seminário "Educação:Tendências e Perspectivas", promovido pelo Conselho Estadual de Educação (CEE/SC), reuniu na sede da Fiesc, em Florianópolis, os representantes dos diversos segmentos do ensino público e privado de Santa Catraina, para a definição de metas e estratégias de gestão voltadas à educação superior.

Segundo o presidente do CEE, Maurício Fernandes Pereira, as discussões dos diversos setores educacionais convergem para o Plano Nacional de Educação, que está para ser votado no final do ano."Precisamos pensar em um educação de qualidade e resolutividade", enfatiza.

Após a abertura, o reitor da UFSC, Álvaro Prata, iniciou o ciclo de palestras falando sobre as tendências da universidade brasileira. Destacou que para ampliar o acesso e a universalização da educação é preciso estar atento aos desafios atuais. Cita como exemplo a baixa escolaridade no País. "Dentre os jovens de 15 anos, apenas 15% estudam e, além disso, 20% da população com 18 anos, não estudam e não trabalham" informou. Prata ressaltou a importância de investimentos em infraestrutura, alertando ainda que o gargalo da educação está no ensino básico.

210611pq2Em seguida, às 10h15min, o diretor regional do SENAI/SC, Sérgio Roberto Arruda, analisou o cenário econômico atual e a consequente demanda por qualificação no mundo do trabalho. Em sua fala, abordou "Educação Profissional: realidade e perspectivas", evidenciando a necessária busca por mais efetividade nos processos educacionais.

Isaac Ferreira, articulador de Educação Básica, representando a Secretaria de Estado da Educação, apresentou as recomendaçãoes da OCDE sobre currículum, formação inicial e continuada dos professores e sistemas de ensino, evidenciando a educação básica. " "Essas recomendação constantes do relatório da entidade internacional serão inseridas no planejamento estratégico que será executado nesta gestão", afirmou.

No período da tarde, a partir das 14 horas, os conselheiros e funcionários se reúnem, sob a coordenação de Marcos Vinicius da Silva Ferreira, para rever o planejamento estratégico da entidade que será executado até 2014.

Dentre as instituições que se fizeram representar estavam a Secretaria de Estado da Educação, a UFSC, Acafe, Ampesc, Undime, Fiesc e Udesc.

Plano de Gesatão Escolar 2023