TwitterFacebookYoutubeInstagram

WhatsApp Image 2021 09 02 at 16.11.21As comemorações da Semana da Pátria na rede estadual de ensino estão acontecendo com várias atividades pedagógicas e ações cívicas. Além dos hasteamentos de bandeira realizados em diversas unidades, alunos e professores usaram a criatividade para estimular o civismo durante as atividades pedagógicas. Acompanhe na matéria alguns desses exemplos e também nas mídias sociais da Educação SC.

Na EEF Osmarina Batista, em São Bento do Sul, a professora Cassia Stiegler trabalhou no 4º ano do Ensino Fundamental com várias atividades ao longo de uma semana. Uma delas foi a releitura da pintura “Independência ou Morte”, do artista brasileiro Pedro Américo. A obra é considerada a representação mais consagrada e difundida do momento da independência do Brasil.

Utilizando cavalos de madeira, espadas de brinquedo, papelão e muita criatividade, a turma se reuniu em um gramado nos fundos da escola para reproduzir em uma fotografia a famosa cena.

Além disso, os alunos fizeram leitura de textos sobre esse acontecimento e sua importância para nossa nação: “Construímos também um texto coletivo (crônica) no qual o cavalo de D. Pedro narra o dia da independência do Brasil. Essa ideia surgiu dos próprios alunos enquanto pintavam seu cavalo”, descreve a professora.

Aluno interpreta hino no acordeon

Natan cantando hino

Já a EEB Erwin Radtke, em Blumenau, comemora os 111 anos de fundação de forma conjunta com o Dia da Independência. Na cerimônia, o aluno do 7º ano Natan Ariel Wudtke interpretou o Hino Nacional com seu acordeon.

Desde pequeno Natan apresentou diversos talentos, nos estudos, no futebol e na música, como destaca a gestora Mariana Borchardt: “Um dos talentos que nos emociona e deixa nossa escola orgulhosa é a dedicação que ele tem pela música. Seus pais sempre o incentivaram para que ele alcançasse o sucesso”, destaca.

Depois da apresentação na escola, Natan gravou pela primeira vez o hino em um estúdio profissional. O vídeo completo pode ser conferido aqui. 

Teatro sobre a Independência

Maria Leopoldina Dom Pedro I e Dom Pedro II

Na EEB Henrique Lage, a professora do 5º ano do Ensino Fundamental, Maria Aparecida da Costa organizou uma apresentação de teatro sobre o Dia da Independência com os alunos. O objetivo foi levar os alunos a conhecerem a história da arte e da cultura do Brasil antes e depois do dia 7 de Setembro.

Vestidos à caráter, seis alunos de dois turnos interpretaram os principais personagens históricos da Independência: Dom Pedro I, Dom João VI e dona Leopoldina. Além do teatro, a professora trabalhou o tema nas disciplinas de História (Brasil Republicano), Português (Gênero Carta) e Geografia (Regiões Brasileiras).

 

Hasteamento das Bandeiras

Hasteamento da bandeira Ana GondinEntre as escolas que realizaram o tradicional hasteamento das bandeiras do Brasil, Santa Catarina e municipal, está a EEB Ana Gondin, em Laguna. Os atos foram realizados ao longo de diversos dias, para evitar a aglomeração dos cerca de 640 alunos e permitir a participação de toda a comunidade escolar. Estudantes do Novo Ensino Médio (NEM) fizeram uma apresentação sobre os símbolos nacionais, que integra um projeto da escola.