TwitterFacebookYoutubeInstagram

Capa Site ACTs 2022Seguem abertas até o dia 30 de setembro as inscrições para o processo seletivo de professores admitidos em caráter temporário (ACTs) para a rede estadual de Santa Catarina. Para tirar as principais dúvidas dos candidatos, foi organizada uma lista com as perguntas e respostas.

Além disso, a Secretaria de Estado da Educação (SED) gravou uma edição especial do programa Educação em Dia com técnicos da pasta para tirar as dúvidas dos candidatos interessados. Os editais e os arquivos anexos relativos ao processo podem ser acessados aqui.

Se você ainda tiver algum questionamento específico sobre o seu caso, entre em contato com o Serviço de Atendimento ao Candidato (SAC): 0800-799 9905 – (21) 2323-3180, somente em dias úteis, das 9h às 17h.

- Quem pode participar deste concurso?

Podem participar professores não habilitados, ou professores com licenciatura. O anexo II do edital (link) traz uma tabela com todas as disciplinas e as habilitações, ou seja, qual o tipo de habilitação para cada disciplina.

- Qual o prazo de inscrição, a data da prova e como o candidato faz para se inscrever?

A inscrição é feita de forma on-line, pelo site do Instituto Selecon, com prazo até o dia 30 de setembro. As provas serão realizadas no dia 7 de novembro de 2021.

- É um único processo seletivo, mas existem quatro editais diferentes. Por que o concurso foi organizado dessa forma?

O mesmo processo seletivo foi dividido em quatro editais, pois cada um tem as suas especificidades. Assim, o processo seletivo é dividido em: Professores do Ensino Regular, Professores de Educação Profissionalizante, Professores de Educação Escolar Indígena e Professores para atuação em projetos especiais no Instituto Estadual de Educação (IEE).

- É possível ao candidato fazer inscrição em mais de uma prova?

Os candidatos deverão optar por apenas um edital, já que todas as provas serão realizadas no dia 7 de novembro no mesmo horário.

- A Secretaria de Educação consegue precisar quantos professores serão chamados neste concurso?

Esse processo seletivo é composto por vagas itinerantes. Logo, as chamadas por servem para substituir professores ativos que, por algum motivo, tiveram que se afastar da sala de aula.

Dessa forma, não temos como definir um número, pois depende da movimentação dos professores (processos de afastamentos, licenças, entre outros), que é um processo dinâmico e que acontece ao longo de todo o ano letivo.

- Um dos principais atrativos para este concurso é a nova remuneração mínima para professores do estado aprovada recentemente pelo Governo. Todos os candidatos selecionados vão receber essa remuneração salário?

Os professores que tiverem a habilitação para a disciplina da vaga e tiverem uma carga horária de 40 horas semanais vão receber a remuneração anunciada pelo Governo (R$ 5 mil). Já os professores que tiverem carga horária menor irão receber proporcionalmente a esse valor.

- As provas serão aplicadas de forma presencial em 20 cidades do Estado. Quais são elas?

As provas serão aplicadas nos municípios de Araranguá, Blumenau, Caçador, Chapecó, Concórdia, Criciúma, Curitibanos, Florianópolis, Itajaí, Jaraguá do Sul, Joaçaba, Joinville, Lages, Mafra, Maravilha, Rio do Sul, São Lourenço do Oeste, São Miguel do Oeste, Tubarão e Videira.

O candidato pode escolher fazer a prova em qualquer cidade, mas deve optar, no momento da inscrição, em qual Coordenadoria Regional de Educação deseja concorrer.

- A prova teórica será composta de quantas questões e qual o peso de cada área do conhecimento?

A prova objetiva será composta de 20 questões, 10 delas relacionadas a conhecimentos gerais e 10 de conhecimentos específicos, sendo eliminatória para os que não alcançarem 50% de acertos.

- Uma das novidades deste processo é a prova de Redação. Como ela vai funcionar?

A redação tem caráter classificatório, sendo eliminatório apenas para os candidatos que obtiverem nota zero. A redação dissertativo-argumentativa deverá ser escrita de acordo com a Norma Culta da Língua Portuguesa, com tema relacionado à Educação.

- Como funciona a análise da titulação dos candidatos?

A titulação compõe a média final do candidato e é de caráter classificatório, conforme a escolaridade. Há uma pontuação para cada um dos níveis de escolaridade que for apresentado. Veja mais detalhes em cada um dos editais.

- Para as vagas que exigem habilitação em Libras, como os professores serão avaliados?

Esses professores, que fazem parte de dois editais (Educação Básica e Indígena), passam por mais uma etapa de avaliação. Após a prova teórica e a redação, os classificados participam de uma prova prática de caráter eliminatório, por meio da qual devem comprovar a proficiência em Língua Brasileira de Sinais.

Quer ficar por dentro de todas as notícias da Secretaria de Estado da Educação? Acesse este link para participar da nossa lista de transmissão no Telegram, ou este link para ser adicionado ao nosso grupo informativo no Whatsapp.